Familiares e pacientes participam de colônia de férias no Oncológico

O Hospital Oncológico Infantil está oferecendo programação especial, neste mês de julho, para os acompanhantes e usuários internados no hospital. Durante as férias escolares, crianças, adolescentes e familiares que acompanham os tratamentos no Oncológico poderão participar, de forma divertida, de vivências ao ar livre e atividades que incentivam práticas saudáveis e experiências culturais e esportivas.

As atividades da Colônia de Férias do Oncológico são amparadas pelos devidos cuidados assistenciais do hospital, sempre de forma adequada ao estado de saúde de cada uma das crianças e jovens. Temas educativos sobre saúde e relativos à atenção aos próprios tratamentos também estarão sendo abordados de forma lúdica na programação, que acontecerá todas as sextas-feiras de julho (dias 7, 14, 21 e 28/7) e também em uma terça-feira (25/7), com agenda noturna especial voltada a adolescentes.

Cuidados e brincadeiras

Para participarem da colônia de férias do hospital, os meninos e meninas do Oncológico passam por uma triagem realizada pela equipe médica, logo pela manhã, antes do início das atividades, previstas para as tardes e noites. Assim, também são checados os pacientes que precisam cumprir agendas de procedimentos ou exames externos.

Também serão realizadas outras atividades nos leitos, para os pacientes que não puderem participar da programação da colônia de férias. Além das crianças e jovens atendidos, os acompanhantes também terão atividades especiais oferecidas pela equipe multiprofissional do Oncológico e também por voluntários que atuam junto ao estabelecimento.

As atrações da Colônia de Férias do Oncológico incluem oficinas de pintura e música, contação de histórias com teatro de bonecos, luau, encontro com atletas e jogos com dinâmicas adequadas a várias condições de acessibilidade, além de atividades com orientações para alimentação saudável e até educação para o trânsito. Além do cardápio semanal garantido aos pacientes e acompanhantes do hospital, lanches também serão oferecidos aos participantes, incluindo pipoca, sucos e chopes de frutas.

Atendimento integral

“Com a realização da II Colônia de Férias do Hospital Oncológico, espera-se promover qualidade de vida através de vivências de lazer, bem como proporcionar conhecimento sobre cultura, esportes, saúde e segurança”, explica Paula Viana, coordenadora de Humanização do Oncológico. “Rotineiramente, os pacientes em tratamento oncológico permanecem hospitalizados por longos períodos e são privados do contato social e outras rotinas de vida. Essas atividades os ajudam a manter um estado emocional positivo, o que auxilia uma melhor adesão aos tratamentos”.

Concorda com isso a advogada Vanessa Rodrigues Monteiro, 37, mãe da jovem B. H. M. M., de 17 anos. Há um ano em tratamento no Hospital Oncológico, a estudante descobriu que estava com câncer no meio do ano letivo de 2016. Teve que abandonar o terceiro ano do Ensino Médio para se dedicar ao tratamento e vir para Belém. A família morava em Macapá (AP).

Hoje, mãe e filha moram em Belém, mas durante as férias de julho os dias serão passados no hospital. Bianca acabou de passar por mais um período de cuidados em quimioterapia e deve permanecer internada. A mãe a acompanha diariamente.

‘Acho excelente essa ideia. Essas atividades no hospital são ótimas’, avalia a mãe da estudante. Ambas estão animadas à espera das atividades, que envolverão tanto programações para a mãe quanto para a filha. ‘São coisas que ajudam até a melhorar a saúde, porque mexem com o psicológico de quem está por aqui’, sorri a mãe.

Em meio às atividades da colônia de férias, a adolescente faz planos para a volta à rotina no mês de agosto. Ela, que queria uma vaga no curso superior de Biomedicina, antes de iniciar o tratamento e pausar os estudos, já pensa em retomar o sonho, com a ajuda do hospital. A meta é frequentar no segundo semestre as aulas do Programa Prosseguir Classe Hospitalar, no quinto andar do Oncológico – onde aulas regulares de Ensino Fundamental e Ensino Médio são oferecidas às crianças e jovens internados, através de convênio com a Secretaria de Estado de Educação do Pará (Seduc).

Referência

Inaugurado em outubro de 2015, e gerido pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Hospital Oncológico Infantil oferece atendimento público especializado, voltado ao tratamento em oncologia para crianças e jovens de zero a 19 anos. Atualmente a unidade é referência neste tipo de atenção no Norte e Nordeste. Cerca 650 crianças e adolescentes fazem hoje tratamento no hospital.

A cada mês, o estabelecimento realiza em média cerca de 684 consultas ambulatoriais, 2.716 sessões de quimioterapia, 76 cirurgias e 12.165 exames de análise clínicas, além de 145 internações. Dos 89 leitos disponíveis no Oncológico, dez são destinados à UTI. O hospital também oferece atendimento de pronto socorro 24 horas para os seus pacientes em tratamento.

Entre janeiro de 2016 a junho de 2017, o hospital realizou 9.467 consultas ambulatoriais; 41.454 infusões quimioterápicas; 811 cirurgias; 213.964 serviços de diagnóstico e tratamento; e 205.165 exames de análises clínicas; além de um volume total de 29.995 atendimentos a pacientes.

O Oncológico Infantil quintuplicou a oferta de leitos para tratamento do câncer entre crianças e adolescentes no Pará. E, desde que o hospital passou a funcionar, em 2015, o Estado não tem mais filas de espera para atendimento ou internação para cuidados oncológicos de crianças e adolescentes entre zero e 19 anos. E a demanda por esses cuidados especializados vem crescendo. Ao todo, 411 casos novos foram registrados pelo serviço de atendimento do hospital, entre janeiro de 2016 a junho de 2017.

Colônia de Férias do Hospital Oncológico Infantil

Quando: de 7 a 28/7, sempre às sextas, das 15h às 17h, além de luau dia 25/7, das 19h às 21h.
Onde: Hospital Oncológico Infantil (travessa 14 de Abril, 1394, São Brás).
Programação

07/07 – Sexta-feira

– Contação de histórias com bonecos;
– Brincadeiras musicais;
– Oficina de pintura.

14/07 – Sexta-feira

– Atividade “A cesta da dona Maricota”, sobre alimentação saudável;

– Jogo de trilha OncoJúnior.

21/07 – Sexta-feira

– Futebol de tecido;
– Bate-papo com atletas convidados.

25/07 – Terça-feira

– Luau com adolescentes e acompanhantes (das 19h às 21h).

28/07 – Sexta-feira

– Circuito Cidade do Trânsito, do programa Direção Viva (Detran):
– Atividade dos voluntários Doutores da Alegria.