Hospital Oncológico Infantil promove semana de cuidados e valorização da Enfermagem

Para celebrar a passagem do Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro (12) e do Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem (20), Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém, reuniu os profissionais que atuam nas áreas para a III Semana de Enfermagem, que nesta edição buscou promover o empoderamento desses profissionais na prática clínica e os impactos positivos para o paciente.

Neste ano, a programação de palestras, atividades de interação e de lazer para os profissionais, buscaram também promover a excelência na Enfermagem em todas das unidades de saúde que assim como o Hospital Oncológico Infantil Oncológico Infantil, são administradas Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar.

“A equipe de enfermagem está junto do paciente em todas as etapas do processo do cuidar. O nosso objetivo é empoderar a categoria com modelos assistenciais que visam aumentar o elo dos profissionais com os pacientes/familiares garantindo a cuidado centrado no paciente”, explica a gerente corporativa assistencial da Pró-Saúde, Sandra Miziara.

Além do desenvolvimento do profissional, esta edição da Semana de Enfermagem no Oncológico Infantil levou o tema também aos usuários e acompanhantes. Para isso, uma equipe de profissionais de diferentes áreas do Hospital esteve na Casa de Apoio Menino Jesus, que acolhe as crianças em tratamento contra o câncer, para uma roda de conversa sobre educação em oncopediatria. “O empoderamento desse profissional passa por essa relação com paciente que também precisa saber sobre o tratamento. Por isso, realizamos atividades que pudessem promover a reflexão desse profissional sobre como assistência prestada ao usuário é importante dentro de fora do hospital”, destacou Diretora Assistencial do Oncológico Infantil, Josieli Pinheiro.

Realizada entre os dias 13 e 17/5, a programação da III Semana de Enfermagem do Hospital Oncológico Infantil mobilizou os 240 profissionais de Enfermagem (77 enfermeiros e 163 técnicos) da unidade em atividades educativas conduzidas pelos próprios colaboradores em palestras e apresentações de relatos de experiência, e oficinas de dança e musicoterapia realizadas por profissionais voluntários.

Uma das participantes foi a técnica de Enfermagem, Sayorane Lima. Para ela, mais do que a homenagem, o evento proporcionou experiências importantes para o dia a dia. “Nesse ano, a programação foi muito interessante, porque tiveram atividades voltadas para nós que vivemos esse dia a dia crianças”, complementou Sayorane.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 23 cidades de onze Estados brasileiros – a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativo, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.